Descupinização

Efeito por contaminação:

   Ao introduzir o produto contaminante no alicerce, fendas, trincas, solo, madeiramento, etc… os cupins que estiverem ou passarem no local   contaminado, não morreram de imediato, voltando para a colônia (ninho), e lá todos os cupins fazem uma higiene uns nos outros, e   automaticamente iram absolver o veneno que eliminará toda a colônia por efeito dominó.       Pois ao morrer o cupim, outros se alimentarão do   mesmo para adquirir proteínas, e morrerá também.

   Garantia de 02 anos para serviços de descupinização em contrato, certificado de aplicação, selo de qualidade e nota fiscal.

   A empresa está qualificada através do Conselho Regional de Química n°CRQ LV 143 RC FL.21 N°10.867 e Vigilância Sanitária sobre o nº 0176/2017. tendo técnicos altamente capacitados e treinados para que os nossos clientes tenham o máximo de confiabilidade e garantia nos serviços prestados pela empresa. Contamos também com equipamentos profissionais e de   ultima geração.

   Controle integrado contra cupins

   Existem vários tipos de cupins, os mais existentes em zonas urbanas são os:

   Coptotermes Havilandi (Cupim subterrâneo) e Coptotermes Brevis (Cupim de madeira seca).

   Ao infestar uma casa, os cupins de solo vão se utilizar de fendas e orifícios para alcançar o alimento, penetrando assim por juntas de dilatação,   ao redor de dutos e por rachaduras.       Após penetrar nas instalações, vão se deslocar via rodapés, batentes, divisórias, lambris, conduíte de   eletricidade e por trás de azulejos e lajotas, podendo inclusive perfurar paredes de alvenaria.

  Uma vez instalados, vão atacar com voracidade todo alimento disponível (livros, roupas, móveis, assoalho, vigamento), aumentando   progressivamente o tamanho da colônia. É   quando iremos notar os primeiros sinais da infestação, como os túneis de proteção nas paredes e   rodapés. Por se tratar de um problema complexo, o combate a cupins subterrâneos,   exige do controlador de pragas uma técnica apurada que   visa interromper a destruição nos pontos já atacados e prevenir o ataque a novos pontos. Isto só é possível isolando-se a   construção do(s)   ninho(s) de cupins através da formação de uma barreira química protetora. Para um controle eficiente de cupins, o trabalho tem que ser feito em duas etapas:

   1º INSPEÇÃO: Os nossos profissionais controladores de pragas examinam cuidadosamente as instalações, identificando a praga e detectando   indícios da infestação e pontos   atacados. Com ajuda da planta, procurar áreas propícias e vias de infestação (dutos, fendas, caixões perdidos,   caixa de força, árvores próximas etc.).

   

2º CONTROLE: Após a inspeção o químico e técnico combater a infestação, aplicando os produtos nos pontos infestados (rodapés, batentes,   móveis ) e formando uma barreira   química protetora no solo, para impedir que novas rotas de infestação sejam criadas entre a colônia e a madeira.

 

   Controle de Cupins!!! Fazer descupinização no solo antes da construção, preveni o ataque destruidor dos cupins.

 
Inovainset Dedetização Betim /Belo Horizonte /Contagem - Rua Vinte e quatro, 129 - Cruzeiro do Sul, Betim - MG - CEP 32.672.722    inovainset@gmail.com
download (3)